terça-feira, 17 de novembro de 2009

Rapidinha no Divã- 02


---------------------------
A Marte eu iria,


Se amar-te eu pudesse.
--------------------------

--------------------------
A Vênus eu iria,

Se vê nús eu pudesse.
-------------------------------


Daniella Dal'Comune

20 comentários:

Neto disse...

hehehe, mto bomm xD

J.R disse...

HAHAHA!!

saudades...


apareça mais por aqui..



bjuss!!

Francisco disse...

À Terra eu iria...
Se em Marte eu não vivesse!! rsrs
Aquele beijãozão, dear!

Maria Fe disse...

Dani, sumida! escreve mais!!!
beijo

Dom .A. disse...

Da Terra eu sairia,
Se a Plutão a próxima lotação
Me levaria......


Bj

railer disse...

gostei mais da parte de marte. hehe

Jorge Oliveira disse...

hohoho boa!
Não conhecia esse teu espaço, adorei e virei mais vezes com certeza.
Irônia é comigo mesmo! haha
Beijão!

Felipe disse...

Sintático e complexo.

Gostei disso!

Natacia Araújo disse...

E pior que pode né? haha
Adorei!

Sandra Timm™ disse...

Muito bom!!!!!

Atreyu disse...

PERPHEITU!!! Muito massa!

alinizinha disse...

oi!!! brigadu!
gostei do novo cabeçalho do seu tbm! beijossss inté!

J.R disse...

Adorei o "descoragem" hahaah!

Adoro essas coisas iventadas.


Somos complicasdos mesmo..


bjãoooo!!

Carol disse...

shuahsuahushuahua
acho este shuashuashua o símbolo máximo de algo que gostei na net!
quero ver como vai ficar a rima com os outros planetas do sistema. Que tal Mercúrio?
bjsss

Roberto Camilo disse...

E nesses trocadilhos que a gente vicia!

Proposta indecente lá no nosso blog querida, confere lá!
Beijos

Flávia disse...

Genial!!
Adorei!!

Escreve mais, você é maravilhosa!!

Chá das Cinco disse...

É meu aniversário, vim te trazer um pedacinho do meu bolo virtual.
Bjs

Chá das Cinco disse...

Parabéns minha linda!
Vou te deixar um presente, a letra da música que embalou o meu aniversário,a música é da Leona Lewis. Ela tem músicas matavilhosas,mas essa tem haver com você também.

Um grande beijo amiga

Gemária Sampaio



Alguém uma vez me disse que você tem que escolher
O que você ganha ou perde
Você não pode ter tudo

Não arrisque
Ou você pode sentir a dor
Não ame em vão
Porque o amor não vai te libertar

Eu não posso estar ao lado
E assistir a essa vida passar por mim
Tão infeliz
Mas tão segura quanto poderia ser

E se me machucar?
E se eu quebrar?
E se esse mundo me jogar do precipício?
Os meus pés saem do chão
Eu tenho que encontrar o meu lugar
Eu quero ouvir o meu som
Não ligo para toda a dor que me aguarda
Só estou tentando ser feliz
Eu só quero ser feliz

Segurando-se com firmeza
Simpelsmente não consigo deixar para lá
Só estou tentando desempenhar o meu papel
Desaparecer lentamente

Mas todos estes dias
Parece que são os mesmos
Apenas rostos diferentes
Lugar diferente
Tirem-me daqui

Eu não posso ficar ao lado
E assistir a essa vida passar por mim

Então qualquer curva que eu não consigo ver
Vou contar um estranho nesta estrada
Mas não diga vítima
Não diga nada

E se me machucar?
E se eu quebrar?
E se esse mundo me jogar do precipício?
Os meus pés saem do chão
Eu tenho que encontrar o meu lugar
Eu quero ouvir o meu som
Não ligo para toda a dor que me aguarda
Só estou tentando ser feliz
Eu só quero ser feliz

(Esta música está no meu post de hoje)

E.Suruba disse...

kkkkkkkk
gostei do jogo de palavras

Paulo Tamburro disse...

Um Feliz Natal!!!!!!

Na oportunidade estou convidando você para conhecer meu blog de humor,"HUMOR EM TEXTO".

É de graça!

Um abração carioca.